GestorCFC

4 dicas para diminuir a inadimplência na autoescola

4 dicas para diminuir a inadimplência na autoescola

O atraso nos pagamentos pode reduzir o fluxo de caixa e até forçar os gestores a buscarem por empréstimos com taxas altas para manter o negócio, comprometendo a saúde financeira da empresa.

Se você quer diminuir a inadimplência na autoescola, saiba que existem técnicas eficazes para isto. Confira as dicas de especialistas que selecionamos neste artigo e previna-se.

Segundo pesquisa realizada pela Boa Vista SCPC, a taxa de inadimplência nas empresas deve aumentar.

Por isso, ter uma boa gestão financeira e do cadastro de clientes é essencial para prevenir e até diminuir a inadimplência na autoescola, ainda mais que a oferta de crédito, neste momento, tende a ser menor e mais criteriosa.

Como diminuir a inadimplência na autoescola?

Como diminuir a inadimplência na autoescola?

Conhecer bem o seu cliente é, definitivamente, a melhor forma de diminuir a inadimplência. Mas existem outras atitudes que podem ajudar em muito nesta tarefa. Confira a seguir:

1. Faça a análise de crédito para diminuir a inadimplência

Saber como anda a situação financeira do cliente antes de fechar negócios a crédito é fundamental. A consulta pode ser feita tanto nas empresas especializadas como Serasa Experian, SPC e Boa Vista SCPC, quanto diretamente na associação comercial da sua cidade.

A partir da análise de crédito, você estará apto a avaliar as condições financeiras de cada cliente e elaborar as estratégias mais adequadas para fechar negócio ou fazer a cobrança da dívida que ele possa ter com sua autoescola.

Nesta etapa, verifique se será preciso contar com ações judiciais ou se a cobrança pode ser amigável. As consultas frequentes permitem que você perceba quando a situação financeira do cliente mudou, o que pode acontecer a qualquer momento.

Veja também: Os 6 controles financeiros fundamentais para seu CFC não fracassar

2. Tenha o histórico do cliente à mão

Com um bom cadastro de clientes do CFC sempre à mão, fica mais fácil diferenciar os bons dos maus pagadores.

Poder separar os clientes por grupos com características definidas, ajuda até mesmo na hora de criar promoções especiais, inclusive oferecendo desconto para pagamento antecipado ou formas mais flexíveis de cobrança.

Quando a empresa tem um cadastro de clientes bem organizado e atualizado, torna a rotina dos gestores e do departamento financeiro muito mais prática e ágil.

Veja também: Recursos e ferramentas para fidelizar clientes da autoescola e continuar gerando receita

3. Tenha um sistema de cobrança eficiente

As dividas são como bolas de neve. Para evitar que cresçam e se transformem em uma “avalanche”, tornando a inadimplência na autoescola um problema difícil de resolver, tenha um sistema de cobrança para CFC eficiente, que alerte o setor responsável logo no primeiro dia de atraso.

Citando um exemplo na prática: o software para autoescola GestorCFC alerta tanto o setor financeiro da empresa, quanto o usuário que estiver responsável pela marcação de aulas quando um aluno estiver inadimplente.

Assim, evita que novas aulas sejam marcadas sem que seja negociado o pagamento das parcelas em atraso.

Outra dica importante é manter os contratos, Notas Fiscais e Recibos bem guardados e organizados.

Você com certeza sabe que estes documentos são provas para que a empresa conte com o amparo da lei nos casos em que for preciso recorrer à cobrança judicial.

4. Mantenha uma gestão financeira enxuta

Mantenha uma gestão financeira enxuta

Em muitos casos, a desorganização do caixa, o descontrole das entradas e saídas de dinheiro fazem com que o cliente inadimplente seja esquecido ou fique “escondido” por um certo tempo, sem que ninguém note.

Essa situação pode acarretar sérios problemas para o seu CFC com o passar dos dias. Quando isso acontece, o prejuízo financeiro pode forçar os gestores a ter de tomar medidas mais drásticas para tentar salvar o negócio.

Contar com um sistema de gestão para CFC é uma saída eficiente, de baixo custo e que traz inúmeras vantagens comprovadas.

Uma boa gestão financeira é essencial para o sucesso de qualquer negócio, pois além de tudo, mantém as contas a pagar e receber bem organizadas.

Essa eficiência faz toda a diferença até para diminuir a inadimplência no CFC da melhor maneira.

As dicas que você viu hoje não zeram a inadimplência, mas diminuem bastante os riscos de cair neste problema que afeta grande parte das empresas.

Minimizar os danos que clientes inadimplentes podem causar deve fazer parte da sua estratégia de gerenciamento de riscos.

E você, aplica alguma estratégia para diminuir a inadimplência na sua autoescola? Compartilhe suas dúvidas e experiências conosco nos comentários!

Quer saber mais sobre as
ferramentas para autoescola do GestorCFC?

Converse com nossos especialistas!

Sandra Silva

Consultora Comercial

Neimar Perin

Gerente Comercial

Este post tem um comentário

Comentários estão bloqueados.

Fechar Menu
GestorCFC